exemplo rede wan

O que é uma rede WAN?

Em sua forma mais simples, uma rede de longa distância ou rede WAN é um conjunto de redes locais (LANs) ou outras redes que se comunicam entre si. Uma WAN é essencialmente uma rede de redes, sendo a Internet a maior WAN do mundo.

Hoje, existem vários tipos de WANs, construídas para uma variedade de casos de uso que afetam praticamente todos os aspectos da vida moderna.

Como começou a rede WAN?

A primeira WAN conhecida foi criada pela Força Aérea dos EUA no final da década de 1950 para interconectar locais no sistema de defesa por radar Semi-Automatic Ground Environment (SAGE).

Uma enorme rede de linhas telefônicas, telefones e modens dedicados conectava os sites.
A fundação da Internet baseada em IP começou com a Rede de Agências de Projetos de Pesquisa Avançada (ARPANET), a primeira rede de comutação de pacotes de área ampla com controle distribuído e a primeira rede a implementar conjunto de protocolos TCP / IP.

ARPANET inicialmente interconectou a Universidade da Califórnia, Los Angeles (UCLA), o Instituto de Pesquisa Stanford (agora SRI International), a Universidade da Califórnia, Santa Bárbara (UCSB) e a Universidade de Utah.

O que é um roteador WAN?

Um roteador WAN, também conhecido como roteador de borda, é um dispositivo que roteia pacotes de dados entre locais de WAN, dando a uma empresa acesso à rede de uma operadora. Vários protocolos WAN foram desenvolvidos ao longo do tempo, incluindo Packet over SONET / SDH (PoS), Multiprotocol Label Switching (MPLS), ATM e Frame Relay.

O que é WAN definido por software (SD-WAN)?

WAN definida por software (SD-WAN) é uma abordagem para tornar as arquiteturas WAN mais fáceis de implantar, operar e gerenciar. Ele se baseia em virtualização, políticas de nível de aplicativo e redes de sobreposição, dispositivos SD-WAN no local e plataformas de software.

SD-WAN aumenta a eficiência da transferência de dados em uma WAN, movendo o tráfego para links de rede de custo mais baixo para fazer o trabalho de linhas alugadas ou MPLS mais caras.

O que é otimização de WAN?

As restrições de latência e largura de banda geralmente causam problemas de desempenho em WANs corporativos. A otimização de WAN usa uma variedade de técnicas, incluindo desduplicação, compactação, otimização de protocolo, modelagem de tráfego e cache local. Essas técnicas melhoram a entrega de pacotes e o controle de tráfego, permitindo, por sua vez, que a largura de banda da rede aumente ou diminua dinamicamente conforme necessário.


A tecnologia SD-WAN e a otimização de WAN podem ser usadas separadamente ou juntas. Alguns fornecedores de SD-WAN estão adicionando recursos de otimização de WAN a seus produtos.

Tipos de tecnologias WAN

Troca de pacotes

A comutação de pacotes é um método de transmissão de dados em que uma mensagem é dividida em várias partes, chamadas de pacotes, que são enviadas de forma independente, triplicado, por qualquer rota que seja ótima para cada pacote, e remontadas no destino. Cada pacote contém uma parte, chamada de carga útil, e um cabeçalho de identificação que inclui informações de destino e remontagem. Os pacotes são enviados triplicados para verificar se o pacote esta corrompido. Cada pacote é verificado em um processo que compara e confirma que pelo menos duas cópias correspondem. Quando a verificação falha, é feita uma solicitação para que o pacote seja reenviado

Protocolos TCP / IP

TCP / IP é um conjunto de protocolos de comunicação básicos usados ​​para interconectar dispositivos de rede na Internet atual e em outras redes de computadores / dispositivos. TCP / IP significa Transmission Control Protocol / Internet Protocol.

Roteador

Um roteador é um dispositivo de rede normalmente usado para interconectar LANs para formar uma rede de longa distância (WAN) e, como tal, é conhecido como dispositivo WAN. Os roteadores IP usam endereços IP para determinar para onde encaminhar os pacotes. Um endereço IP é um rótulo numérico atribuído a cada dispositivo de rede conectado.

Rede de sobreposição

Uma rede de sobreposição é uma técnica de comunicação de dados na qual o software é usado para criar redes virtuais em cima de outra rede, normalmente uma infraestrutura de hardware e cabeamento. Isso geralmente é feito para oferecer suporte a aplicativos ou recursos de segurança não disponíveis na rede subjacente.

Packet over SONET/SDH (PoS)

“Packet over SONET” é um protocolo de comunicação usado principalmente para transporte WAN. Ele define como os links ponto a ponto se comunicam ao usar fibra óptica e protocolos de comunicação SONET (Synchronous Optical Network) ou SDH (Synchronous Digital Hierarchy).

Multiprotocol Label Switching (MPLS)

MPLS é uma técnica de otimização de roteamento de rede. Ele direciona os dados de um nó para o próximo usando rótulos de caminho curto em vez de endereços de rede longos, para evitar consultas demoradas na tabela.

ATM

ATM (Asynchronous Transfer Mode) é uma técnica de comutação comum nas primeiras redes de dados, que foi amplamente substituída por tecnologias baseadas em IP. ATM usa multiplexação por divisão de tempo assíncrona para codificar dados em células pequenas e de tamanho fixo. Em contraste, a tecnologia Ethernet baseada em IP de hoje usa tamanhos de pacote variáveis ​​para dados.

Frame Relay

“Frame Relay” é uma tecnologia para transmissão de dados entre LANs ou terminais de uma WAN. Ele especifica as camadas físicas e de enlace de dados dos canais de telecomunicações digitais usando uma metodologia de comutação de pacotes.

Frame Relay empacota dados em frames e os envia por meio de uma rede Frame Relay compartilhada. Cada quadro contém todas as informações necessárias para encaminhá-lo ao seu destino. O objetivo original do Frame Relay era transportar dados pela infraestrutura ISDN das operadoras de telecomunicações, mas ele é usado hoje em muitos outros contextos de rede.

Que outros tipos de rede existem?

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Instagram

[instagram-feed num=6 cols=6 showfollow=false showheader=false showbutton=false showfollow=false]
%d blogueiros gostam disto: